Coma!

Fui criada numa casa onde se obedecia às boas regras da educação que ditam que se deve comer o que nos é servido à mesa. Quer se goste ou não.

Recordo me bem do pão e da manteiga que eram singularmente colocados junto ao meu lugar à mesa sempre que a refeição ia ser caril. Para ajudar a empurrar o que nitidamente não era do meu agrado. E assim foi durante grande parte da minha vida. Acontecia para o caril, para as sardinhas, para as favas e para o coco. Claro que havia e há barreiras intransponíveis: língua de vaca nunca!

E o início da minha vida adulta coincide com uma revelação: afinal sardinhas são bestiais; favas bem feitas fenomenais; caril e coco excepcionais. Não sei se esta transformação se deve ao facto de tantas vezes ter sido sujeita aos mesmos sabores ou se o meu paladar amadureceu. Mas sei que a implementadora das ditas regras da boa educação nunca fraquejou no seu papel.

Obrigado Mãe.

IMG_0490.JPG

EAT!

I was brought up in a household where you obeyed the rules of etiquette that say that you must eat whatever is on the table. Whether you like it or not.

I remember well the bread and butter that was singularly positioned  by my dinner place whenever there was curry for supper. To help shove what was clearly to my distaste. And this was true for a greater part of my life. It happened for curry, sardines, broad beans and coconut. Allow me to state that there were and are unsurmountable barriers: calf tongue never!

And the beginning of my adult life coincides with a revelation: after all sardines are great; broad beans when well cooked are phenomenal; curry and coconut exceptional. I am not sure if this change was brought about by the repetitive exposure to the disliked tastes or if my palate simply matured. But I do know that the implementer of said etiquette rules never wavered in her role.

Thanks Mom.

Para 4 porções

  1. Deixe os filetes a marinar no leite de coco, raspa de uma lima, uma colher de sobremesa de sal grosso e pimenta preta acabada de moer durante um mínimo de 3 horas e um máximo de 24.
  2. Ferva duas medidas de água para cada uma de arroz, tempere com uma pitada de sal grosso e coloque 3 ramos de hortelã dentro do tacho. Junte o arroz e cozinhe até estar quase ao ponto. Tape e reserve.
  3. Rale a parte branca dos alhos franceses em fatias muito finas e reserve.
  4. Aqueça duas colheres de sopa de óleo de coco e junte o alho francês.
  5. Cozinhe em lume médio alto durante os primeiros 2 minutos e depois baixe o lume e tape durante outros 5 minutos.
  6. Junte uma colher de sopa de pasta ou pó de caril e misture cozinhando durante mais 1 a 2 minutos.
  7. Junte o creme de coco e cozinhe durante mais uns minutos. Se achar demasiado espesso, junte 50 ml de água.
  8. Aqueça uma frigideira com uma colher de sopa de óleo de coco.
  9. Retire o excesso da marinada dos filetes usando as mãos e frite em óleo bem quente. Atenção que a pescada fica bem delicada portanto não vire muitas vezes os filetes a cozinhar.
  10. Sirva o arroz com o caril por cima e finalmente as lascas do peixe no topo. Polvilhe com coentros picados.

Serves 4

  1. Leave the fillets to marinade in the coconut milk and zest of one lime for the minimum period of 3 hours and a maximum of 24.
  2. Boil two portions of water for one of rice, season with sea salt and place 3 sprigs of mint in the pan. Add the rice and cook to almost done. Place a lid and set aside.
  3. Slice the white part of the leeks into very thin slices and set aside.
  4. Heat 2 tbsp of coconut oil in a pan and add the sliced leeks.
  5. Cook in medium high heat for the first couple of minutes and then lower the heat and place a lid allowing them to sweat for another 5 minutes.
  6. Add a tbsp of curry paste or powder and stir allowing the leeks to cook for another 1 to 2 minutes.
  7. Add the coconut cream e and cook for another couple of minutes. If you find it too thick, add 50 ml of water.
  8. Heat a skillet with 1 tbsp of coconut oil.
  9. Drain the excess of the marinade from the fillets scraping with your hands and fry in the hot oil. Take care that the fillets are very delicate and shouldn´t be turned around more than once.
  10. Serve the rice with the curried leeks on top and the fish flaked over that. Finish with a scattering of chopped coriander.

Ingredientes

  • 4 filetes de pescada
  • 1 lata de leite de coco
  • Raspa de uma lima
  • 3 alhos franceses
  • 3 colheres de sopa de óleo de coco
  • 1 colher de sopa de pasta ou pó de caril
  • 1 embalagem de creme de coco (cerca de 200 grs)
  • Arroz Thai
  • 3 ramos de hortelã
  • Coentros picados
  • Sal grosso e pimenta preta acabada de moer

 

Ingredients

  • 4 whiting fillets
  • 1 can of coconut milk
  • Zest of one lime
  • 3 leeks
  • 3 tbsp of coconut oil
  • 1 tbsp of curry paste or powder
  • 1 can of creamed coconut (about 200 grs)
  • Jasmine Rice
  • 3 sprigs of mint
  • Chopped coriander
  • Sea salt and freshly ground black pepper